22/05/16

Comissão de Cultura realiza Audiência Pública para discutir a extinção do Minc




A CCULT aprovou, no último dia 18, o requerimento  48/2016 do deputado Chico D’Angelo (PT-RJ) e 52/2016, da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) para a realização de Audiência Pública para discutir a proposta da extinção do Ministério da Cultura.

A reunião será realizada na terça-feira (24/05) e já conta com as presenças confirmadas de Chico Simões, mamulengueiro; Tico Santa Cruz, músico; Dhi Ribeiro, cantora; Sônia Guajajara, Liderança da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil , Pablo Capilé, do Fora do Eixo,  Silvério Pontes, músico, e da diretora Ana Muylaert.

Para o deputado Chico D’Angelo, que assumiu a presidência da Comissão de Cultura, “a extinção do Minc em um momento tão crítico para o país pode representar muito mais do que a mera distribuição de funções ministeriais, mas retrocessos irreparáveis nas políticas culturais tão duramente conquistadas, como o Plano Nacional de Cultura”. Os deputados Jean Wyllys (PSOL-RJ), Luizianne Lins (PT-CE), Alice Portugal (PCdoB-BA) e Waldenor Pereira (PT-BA) também assinaram o requerimento.

A deputada Jandira Feghali disse que a “a Comissão tem como função promover essa ausculta da sociedade sobre uma decisão tão arbitrária como a de Temer”, por isso é fundamental a realização de audiências públicas. “Vamos dar voz aos que não foram ouvidos previamente por este governo golpista”, declarou.

O deputado Jean Wyllys afirma que a extinção do MinC é um “símbolo do que esse governo ilegítimo representa”. Para ele, o governo de Michel Temer quer silenciar a voz das diversidades. “Não apenas do MinC, como também do Ministério da Mulher, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos. É um governo apoiado por todos os inimigos da igualdade e dos direitos humanos, sem mulheres, sem negros e sem cultura. Eles têm desprezo pelas políticas culturais porque, como disse a Fernanda Montenegro, acham que cultura é “coisa de veado”. Eles têm um desprezo ideológico pela cultura. Todos os governos autoritários têm isso em comum: tentam destruir as políticas culturais ou discipliná-las”.

 

O que: Audiência Pública – O Minc é Nosso

Onde: Plenário 12 do Anexo II da Câmara dos Deputados

Quando: terça-feira (24.05)

Horário: 14h30

 

Assessoria de comunicação da Presidência da Comissão de Cultura da Câmara Federal

Para mais informações, entre em contato:

Ana Paula do Amaral

(61) 3216-6941/(61)9661-7440

 

Compartilhe:
Share on Google+